Traduzir

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Devaneios


"Você me dói. Pensei muito em uma definição e acho que é isso: Você me dói. É dolorido ter o coração exposto como o meu agora. Você me dói porque dá medo. Medo da dor, medo de sofrer. Medo de abrir e ter que fechar. Medo de ter e perder. Medo das partidas: estou ficando realmente cansada delas. Medo de ter que esquecer. Você nem imagina quantos sorrisos eu já dei só de pensar em você. E eu penso bastante, chega a perturbar a minha lógica. Mas acho que a vida é isso... É sentimento, é um apostar constante naquilo que não se pode controlar, é a fé pura e simples de que, algum dia, algo funcione de verdade. É engraçado porque somos diferentes nas pequenas coisas e mesmo assim você se encaixa, tenho muito a aprender com você. E percebi que alguém tem que se expor. Então eu lhe digo... Eu me apaixonei por você um dia, sem querer, entre um sorriso e um beijo, enquanto olhava você dormir, a suavidade do seu rosto. Não sei se você percebeu, não sei quando eu mesma percebi. Eu não sei bem o que fazer com isso. Por isso me perco, fico quieta com os meus pensamentos. Não fico te analisando, só fico procurando dentro de mim as palavras que podem ser ditas ou gestos adequados. Como disse, eu fico realmente burra quando me apaixono. Agora você sabe o que eu fico pensando quando olho para o nada. Sou só eu, tentando entender..."

Escrito por: Anne em Chá de Sumiço

2 comentários:

Anne disse...

Ficou lindo! Fico feliz que tenha gostado de algo que escrevi. Obrigada pelo espaço!

Abraços

Mariana Zogbi disse...

Anne! Obrigada pela visita! Eu que agradeço pela suas palavras!

Abraços

Postar um comentário

Conte-nos o que achou da postagem! Deixe seu comentário!

Procure aqui!

Quer receber as postagens? Cadastre seu e-mail!