Traduzir

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

sábado, 27 de outubro de 2012

Tem gente que nasce para realeza, mas tem gente...

Chegou na cidade com toda infantilidade

Brincava na rua, despenteava o cabelo, mal sabia falar, quem diria se comportar.
Com toda sua magreza ainda carregava mais de cinco piolhos na cabeça. 
Teve sorte de encontrar alguém da realeza, ensinou-a os bons modos, tirou-lhe os piolhos da cabeça.
Virou moça e aprendeu, lia e escrevia, o cabelo estava sempre penteado, provara dos melhores restaurantes, andava com roupa elegante e bem queria um namorado.
A moça desejava ter nascido na realeza, ser mulher elegante, gente da nobreza.
Aconteceu o inesperado, ela sonhava com seu reinado, em um golpe fura olho, roubou o namorado de quem havia lhe ajudado. 
A ajuda tornou-se decepção: "Aqui em minha cama não!" 
Expulsou a menina da casa, mas perdoou o namorado, casou-se com ele em prova de seu legado: "Felizes para sempre."
Acontece que o homem, também queria ser rei, casaria com a mulher da realeza e entraria para a nobreza.
Dito e feito aconteceu, mas a ingrata outra vez apareceu.
A experiência da nobreza fez com que acabasse com toda aquela safadeza. 
O casamento foi desfeito, a ingrata e o homem fizeram par perfeito.
A realeza desencanou, casou-se novamente, mas agora com alguém que não a machucou.
Porque tem gente que nasce para realeza, mas tem gente que gosta mesmo é da pobreza.

Mariana Zogbi


2 comentários:

Geh Rodrigues , Nery PG disse...

Hei! seu blog é inspirador!
seguindo você
bjos Geeh Rodrigues
http://solteiricecrista.blogspot.com.br/

Mariana Zogbi disse...

Muito obrigada!
Beijos!

Postar um comentário

Conte-nos o que achou da postagem! Deixe seu comentário!

Procure aqui!

Quer receber as postagens? Cadastre seu e-mail!